A Campanha de 2019 “Vidas Importam: a Diálise Não Pode Parar” superou as expectativas. O Dia D da Diálise, realizado no dia 29 de agosto de 2019 refletiu a grandiosidade do projeto.

Nas Redes sociais o alcance orgânico passou de 20.000 impressões no “dia D da Diálise” em 2018 para mais de 700.000 impressões, com mais de 150.000 pessoas alcançadas, cada publicação teve mais de 1000 curtidas.

O evento reuniu milhares de pessoas em mais de 40 cidades de todo o país, com a participação de mais de 200 clínicas de diálise associadas à ABCDT. A imprensa deu um excelente destaque à campanha, com divulgação online, emissoras de rádios e tevês de todo o país. Somente as ações da cidade de São Paulo tiveram mais de 50 matérias online, em Jornais como o Estadão.

A Associação Brasileira dos Centros de Diálise e Transplante – ABCDT agradece a todas as clínicas de diálise, pacientes renais, entidades e empresas que apoiaram o “Dia D da Diálise”. Cita-se:  Sociedade Brasileira de Nefrologia – SBN; Federação Brasileira de Hospitais – FBH; Confederação Nacional de Saúde – CNS; Fresenius Medical Care; Diálise; Baxter; Davita; Diaverum; Fenapar; Abrasrenal; Transvidas; UBRET, Secretaria de Saúde de Belo Horizonte; Hospital Evangélico de Belo Horizonte, Assessorias de Imprensa: Máquina, Danthi Comunicações, Burson Cohn & Wolfe, entre outras.

Mais uma vez a campanha aproximou a sociedade, empresas, redes clínicas, médicos, equipe multiprofissional e pacientes renais crônicos, que foram primordiais para o sucesso do evento. Todos em prol dos mais de 122 mil pacientes que dependem da diálise para sobreviverem e manter uma vida perto do normal.

O objetivo é cobrar do Governo o reajuste do valor da sessão de hemodiálise e o investimento na diálise peritoneal para a manutenção do tratamento e abertura de novas vagas, para suprir a fila de espera, que só cresce em todo o país. E a vasta divulgação do “Dia D” pela imprensa foi fundamental para dar força ao movimento.

É preciso continuar lutando até que os governantes atendam as reivindicações do setor, e as clínicas sejam remuneradas adequadamente, garantindo um tratamento de qualidade e acesso para todos os pacientes renais crônicos.

Ainda há muito o que fazer, mas a ABCDT acredita que está no caminho certo. E o sucesso do evento, com certeza, foi o resultado do esforço conjunto.  Juntos somos mais fortes! A Diálise não pode parar!

Confira Clipping com as inserções na imprensa: